Notícias

Estou no momento em: Skip Navigation LinksInício > Índice de Notícias > Notícia

Habitação sorteia 355 casas para famílias da região de Bauru

10/05/2019

Sorteios foram nas cidades de Agudos, Pederneiras e Dois Córregos; também foram assinadas ordens de serviços para a regularização fundiária de mais de 10 mil lotes em nove municípios

 

 

A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), sorteou, nesta quinta-feira (9/5), 355 moradias para famílias da região de Bauru - 90 moradias em Agudos, 163 em Dois Córregos e outras 102 em Pederneiras. No evento em Pederneiras também foram assinadas ordens de serviços do programa Cidade Legal para a regularização de 10.167 imóveis em nove municípios.

O programa Cidade Legal vai investir um total de R$ 768 mil na regularização de lotes habitacionais nos municípios de Bauru (1.752 lotes), Cafelândia (952), Guaiçara (240), Itapuí (42), Jaú (483), Lins (2.988), Macatuba (72), Pederneiras (2.923), Promissão (715). Serão realizados trabalhos de vistoria, diagnóstico, plano de regularização e cadastro social nos loteamentos, acelerando as etapas burocráticas junto aos órgãos municipais e o cartório.

"Hoje tivemos um dia intenso de trabalho na região de Bauru. Viajamos 700 quilômetros para sortear 355 casas nas cidades de Agudos, Pederneiras e Dois Córregos, contemplando famílias de baixa renda com moradias de qualidade", disse o secretário Flavio Amary, destacando que, em breve, retorna à região para fazer a entrega das chaves.

Os empreendimentos sorteados foram viabilizados pela CDHU, que doou os lotes dos terrenos à Caixa e fez os eventos. Há participação da Agência Casa Paulista do governo estadual, com aporte de R$ 9,5 milhões. O banco federal licitou, acompanha as obras, além de investir R$ 25,8 milhões nos três empreendimentos. As moradias são destinadas a famílias com renda de R$ 1.800 mensais.

Nos três empreendimentos, as casas têm o mesmo padrão, respeitando e incorporando as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade pela Secretaria Estadual da Habitação – pisos cerâmicos em todos os cômodos, azulejos nas paredes hidráulicas da cozinha e do banheiro, aquecimento solar para chuveiros, acessibilidade, entre outras melhorias.

As casas têm dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, em 49 m² de área construída. Os empreendimentos terão infraestrutura urbana completa, com redes de água, esgoto e elétrica, drenagem, pavimentação, calçada, muretas de divisa, paisagismo e iluminação pública.

Aparecida Ferreira, de 63 anos, foi sorteada em Dois Córregos e, acompanhada do marido, recebeu o secretário Flavio Amary em sua casa para contar sua história. "Já trabalhei na roça, já cortei cana, já fui empregada, já fiz de tudo", relembrou ela, que tem a vista debilitada e precisa de ajuda para se locomover. "Aqui a gente sobrevive com dois salários mínimos, meu e do meu marido, e pagamos aluguel. Agora vamos pagar pela nossa casa própria. Já estava na hora!", comemorou.

O aposentado Antônio Carlos, de 62 anos, o primeiro sorteado da urna de Idosos em Agudos, endossou o testemunho da sorteada Aparecida. Atualmente morando na casa dos fundos do genro de sua esposa, ele conta que tem rezado todos os dias em busca da realização do sonho da casa própria. "Quando ouvi meu nome sendo chamado, nem acreditei. A gente luta a vida inteira para conseguir a nossa casa e agora eu consegui", exclamou.

Agudos – No sorteio das 90 casas em Agudos foram inscritas 1.780 famílias. Do total de unidades, são 75 para a população em geral, sete para famílias com pessoas com deficiência, cinco para idosos e três para famílias com integrante com microcefalia. O investimento no empreendimento Agudos G é de R$ 9 milhões, sendo R$ 2,4 milhões pela Casa Paulista e R$ 6,6 milhões pela Caixa Econômica Federal.

Pederneiras –Para este evento, 1.962 famílias se inscreveram. Do total das 102 unidades, 88 são destinadas à população em geral, oito a famílias com pessoas com deficiência e seis para idosos. As moradias mereceram investimento de R$ 10,2 milhões, dos quais R$ 2,8 milhões pela Casa Paulista e R$ 7,4 milhões pela Caixa.

Dois Córregos – Na cidade de Dois Córregos foram sorteadas 163 casas do empreendimento Dois Córregos F, que recebeu aporte total de R$ 16,1 milhões - R$ 4,3 milhões vindos da Casa Paulista e outros R$ 11,8 milhões oriundos da Caixa Econômica Federal. Com a participação de 1.273 famílias inscritas, das unidades sorteadas, 142 são para a população em geral, 12 para famílias com pessoas com deficiência e nove para idosos.

 

Trabalho na região de Bauru– Em Agudos, já foram entregues pela Secretaria de Estado da Habitação outras 266 unidades habitacionais, 207 pela CDHU e outras 59 pela agência de fomento habitacional Casa Paulista. Estão em obras justamente as 90 sorteadas nesta quinta-feira.

Já em Pederneiras, esse número de unidades entregues pela CDHU é de 1.866. A Casa Paulista não havia tido atuação na cidade até o empreendimento objeto de sorteio atual.

Em Dois Córregos, já foram entregues pela CDHU 577 unidades habitacionais. A Casa Paulista atua pela primeira vez no município, com o investimento no empreendimento objeto desse sorteio.

Na região administrativa de Bauru, foram entregues pela Secretaria Estadual da Habitação 24.923 moradias. Outras 2.691 estão em obras. Essas unidades em andamento representam R$ 93 milhões em investimentos pelos dois braços operacionais da Pasta – CDHU e Agência Casa Paulista.

Secretaria da Habitação
Rua Boa Vista, 170 - 10º, 12º, 14º ao 16º andares - São Paulo - SP - CEP: 01014-930 - Tel: (11) 3638-5100
Horário de Atendimento: das 9 às 18 horas