Notícias

estou no momento em: Skip Navigation Links
17/02/2017

Morar Bem, Viver Melhor sorteia 20 apartamentos em Limeira

A Secretaria de Estado da Habitação realizou nesta sexta-feira (17/2) o sorteio de inscritos para o Conjunto Habitacional Limeira K, com 20 apartamentos do Morar Bem, Viver Melhor. O evento foi realizado no Teatro Nair Belo, em Limeira, na região de Campinas, com a presença do diretor de Atendimento Habitacional da CDHU – Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano, Ernesto Mascellani Neto.

O residencial possui 31 moradias populares. Desse total, 11 foram destinadas a famílias que moram em área de risco. As outras 20 unidades habitacionais foram sorteadas, com três destinadas a pessoas com deficiência, duas para idosos e um para policiais e agentes penitenciários.

"Diferente de outros estados brasileiros, apesar da crise, São Paulo continua investindo. O resultado está aí: 31 apartamentos que serão entregues em Limeira. E não só aqui, mas a gente entrega moradia no Estado todo", disse Mascellani Neto.

As famílias sorteadas foram convocadas para o processo de habilitação, que será realizado no dia 2 de março, na Secretaria da Habitação do município. Na ocasião, deverão comprovar os requisitos exigidos para participar do programa habitacional.

É preciso ter renda entre um e dez salários mínimos, morar no município há pelo menos cinco anos ou atestar que o chefe da família trabalha em Limeira no mínimo pelo mesmo período, não possuir imóvel ou financiamento habitacional e não ter sido atendido em outros programas habitacionais de interesse social. As famílias pagarão prestações de R$ 140,55 até R$ 875,92 e 98% delas têm renda de até três salários mínimos.

"A gente sempre se esforçou muito (para pagar o aluguel). Agora que minha prestação será menor, eu vou poder ajudar meu filho mais velho a pagar a faculdade dele. Nossa alegria é imensa, pois estamos realizando dois sonhos: ter nossa casa e poder ajudar nosso filho", afirmou Cassiane Aparecida da Cunha, de 38 anos, que vive com o marido Elias da Cunha, de 39 anos, e com dois filhos, um de 18 anos e outro de 2 anos. Atualmente, a família paga R$ 540 de aluguel.

O conjunto terá unidades de dois dormitórios, com 53,08 m² de área construída, sala, cozinha, banheiro, circulação e área de serviço. O prazo de financiamento das moradias será de até 25 anos e as prestações receberão subsídio do Governo do Estado, sendo calculadas de acordo com a renda familiar.

O Conjunto Habitacional Limeira K incorpora as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade da Secretaria de Estado da Habitação e será entregue com infraestrutura completa, pavimentação dos estacionamentos (uma vaga por apartamento), passeio público, iluminação pública, paisagismo, redes de água, esgoto e elétrica, além de drenagem, urbanismo e gás condominial.

As casas terão piso cerâmico, azulejos nas áreas úmidas, ventilação permanente na cozinha, estrutura metálica no telhado, medição individualizada de gás e água, esquadrias de aço galvanizado com pintura eletrostática na cor branca e preparação para água quente (misturador do chuveiro). O investimento na obra é de R$ 3,1 milhões.

De acordo com estudo realizado pela CDHU, são criados 14,5 empregos diretos a cada R$ 1 milhão investido em construção residencial, o que equivale a 44 empregos diretos criados pela obra.

Desde 2011, a região administrativa de Campinas recebeu 29.587 moradias populares, por meio da CDHU e do programa Casa Paulista. Além disso, há 7.450 habitações de interesse social em construção.

Morar Bem, Viver Melhor
O Morar Bem, Viver Melhor é a Política Habitacional do Estado de São Paulo. Reúne todas as ações e investimentos da Secretaria de Estado da Habitação, como infraestrutura, urbanização, requalificação, acessibilidade, qualidade das construções e equipamentos, cuidados com o meio ambiente, inovações e qualidade de vida para as famílias atendidas.

Compartilhar
Imprimir conteúdoimprimindo Google +no Google + Twitterno Twitter Facebookno Facebook